quinta-feira, 19 de maio de 2011

CARTA ABERTA AOS PASTORES

Postado em: "Tempos de Deus", Um ministério de Amor.


CARTA ABERTA AOS PASTORES
            Desde que veio à tona a existência do Plano Nacional de Direitos Humanos – PNDH3, elaborado pelo Governo Lula, eu tenho percebido, em muitos casos, a indiferença dos líderes religiosos com relação às implicações que estão contidas ali, o chamado “kit gay” e a PLC 122 chamada “Lei da Mordaça”.
Com o “kit gay” o governo já gastou 11 milhões de reais e treinou professores em 10 capitais brasileiras. Esse dinheiro poderia ser muito melhor empregado se destinado a um “kit anti-pedofilia”. O PLC (Projeto de Lei Complementar) 122, totalmente contrário a liberdade de expressão, garantida no Art° 5 da Constituição Federal, foi desengavetado e será votado amanhã (12 de maio) no Senado Federal.
Mas o que me deixa estarrecida é a falta de iniciativa ou indiferença, salvo exceções, de muitos líderes e representantes da comunidade pastoral; enquanto que o lobby, do outro lado, é violento em relação às leis e emendas pertinentes aos seus interesses.
Tive a oportunidade de participar dos últimos cafés de pastores realizados em Curitiba e, às vésperas da Marcha pra Jesus (21 de maio), não ouvi uma linha sequer sobre o que está sendo votado em Brasília.
Creio que ali, naquela reunião, onde participam líderes de várias comunidades, seria o fórum adequado para se colocar em pauta tais assuntos, se atualizar e traçar planos de ação. Mas o que acontece é mais uma reunião “social” em torno de preletores “ilustrados”.
Nada contra nenhum deles - todos ungidos, homens de Deus-, mas que na ocasião, superaram, em termos de importância, os assuntos e decisões que, de fato, deveriam estar na pauta do café. Sim, foi orado pelas autoridades, mas e as causas cruciais que estão para ser votadas pelos políticos? Podem mudar radicalmente a história de nossa Nação, e da pior maneira possível- com leis perniciosas para o povo, que podem desencadear numa perseguição sem limites e em várias esferas.
Será que alguém não trocaria a camiseta da Marcha (R$ 20 reais) para vestir a camiseta com os valores do Reino??? Não seria a oportunidade que Deus está nos dando para literalmente marchamos contra essas leis que, como diria o Pr. Paschoal Piragine Jr, pretendem oficializar o pecado em nosso país? Vamos às ruas povo de Deus:  “Contra a Pedofilia”, com  “Kkit gay fora das escolas” “Abaixo a Leia Mordaça” “Por uma infância sadia” “ Contra a PLC 122” “Pelo fim do PNDH3” e por aí afora...
A Marcha pra Jesus pode ser a oportunidade de mostrar que essa luta não é só dos evangélicos, mas das pessoas de bem deste país. Mas, independente das lideranças, pipocam aqui e ali, grupos “Contra a liberalização da Maconha”, que vão marchar “Contra a violência infantil e de adolescentes”, e vários motoclubes, incluindo aqui não cristãos, que não concordam com aborto, kit gay e etc... e, juntos com os motociclistas cristãos, vão carregar essas bandeiras. Ninguém pode impedir o agir de Deus.
Ouvimos tanto que oração é orar e agir, mas o que os líderes estão fazendo: cadê a ação??? Cadê a Petição Pública que cada organização de pastores já devia ter criado, com a assessoria de juristas cristãos, para estarem em seus sites, circulando nas igrejas e coletando assinaturas do povo. Afinal, os cristãos serão os primeiros a serem atingidos com essas leis.
Tudo bem que isso virá. Mas porque antecipar? Vamos ficar parados e deixar o inimigo avançar? Deus mandou o Israel marchar!
Onde estarão as “barracas” ou “stands” para colher assinaturas contra a PLC 122 e Kit gay durante a Marcha pra Jesus? Ninguém falou sobre isso até agora, nem os representantes no Paraná, do FENASP – Fórum Evangélico de Ação Social e Política, que tem por objetivo defender os valores do Reino de Deus junto aos parlamentares.
E eu não sou só uma voz “que clama no deserto”. Creio que muitos pastores, que estão participando dos cafés, tem sugestões melhores que as minhas, vindas diretamente de Deus, mas que não tem tido espaço para expor suas idéias. Tem como mudar o roteiro dessas reuniões ???
O Pr. Silas Malafaia, uma voz profética, que Deus levantou para nos alertar e mostrar o que devemos fazer, em termos práticos, marcou umamanifestação pública, em Brasília, contra a PLC 122 que foi antecipada para o dia 1° de junho. Por que não apoiamos esse “atalaia”, que tem grande capacidade de mobilização, estendendo essa manifestação para as diversas  cidades e capitais do país, com o apoio das igrejas.  Vamos ficar acuados, ou sair e participar toda a sociedade que essa não é uma causa só dos evangélicos, mas das pessoas de bem?
Porque não quebrar paradigmas e em vez de esperar pelo governo ou de políticos - alguns mais preocupados com bitucas de cigarro - e realizar palestras nas igrejas sobre pedofilia, por exemplo, e convidar a comunidade para participar, afinal as igrejas não tem culto de segunda a segunda.
O que eu não quero é assistir o desenrolar desse roteiro maléfico sem fazer nada. Deus disse ao povo que marche! E vamos marchar contra as injustiças, contra o aborto, contra a liberalização da maconha, contra a pedofilia etc... É Ele quem vai à frente. Essa luta é D’Ele, o Todo Poderoso, o Rei dos reis, o Senhor dos senhores.
Conto com todos para agir!
Sôla Barbosa - Jornalista cristã

Um comentário:

Os comentários devem ser moderados, e sem ser de religiosidade de mais, sendo sempre um verdadeiro cristão nas suas iéias bíblicas. Caso não concorde e não sabe como redigir uma discussão, não entre nela.